Aqui em casa nunca entrou uma lata de pomarola ou afins. Acho que nem na casa da minha mãe. Apesar da inegável praticidade, não gosto do sabor fake, não consigo comer.. Obvio que molho de tomate é uma coisa deveras versátil e super salva na hora do aperto, entao eis o meu molho de tomate caseiro:

Junto no liquidificador tomates bem maduros, alho, cebola, um pedaço de pimentao e cheiro verde. Conforme o meu humor, uso também manjericão ou tomilho. Basta bater com um pouco de água. Congelo em porções pequenas (aqueles potinhos de requeijão que vem com tampa são ótimos para isso). Dependendo o prato, uso ate congelado mesmo na panela.

Se estou sem molho pronto no congelador, bato somente a quantia que vou usar na hora (geralmente cerca de 02 tomates). Para a pizza, uso molho cru mesmo.

Muito mais econômico, saudável e sem aquela cor e sabor no mínimo… estranhos… do molho pronto.

Sabe aqueles ‘retalhos’ de cebola e tomate que sobram na geladeira? Pois é, também viram molho!

Ah, não esqueça, sal e pimenta a gosto! Neste caso, recomendo a pimenta calabresa ou tabasco!

molho de tomate caseiro