Era uma vez uma galinha de tv de cachorro. Mas não era qualquer galinha; era uma galinha multifuncional master plus (a Giselda), que além de almoço, virou sanduíche, virou canja, virou caldo de frango e (ufa) risotto.

Eu não aguentava mais ver aquela galinha que não acabava nunca! Apesar de estar uma delícia, parecia que a bicha estava dando cria na geladeira.

Eu já falei sobre o risotto tradicional aqui. Esse não tem quase nada a ver com aquele, mas eu quiz chamar de risotto porque achei que estava mais pra risotto do que pra carreteiro. E o prato é meu, eu chamo como quiser!

Então vamos aos fatos: muitas lacas da Giselda, refogadas com alho, cebola e uns champignons frescos fatiados no azeite; 01 xícara de arroz integral; 03 xícaras de caldo de galinha caseiro – cortesia da Giselda tb.

Para temperar, um pouco do tempero caseiro e pimenta do reino moída na hora e um tantão de cheiro verde, porque estava precisando de uma corzinha no prato.

E super restôdontê, mas ganhou um charme com o cogumelinho.

risotto de frango e champignon

E não percam o próximo episódio:

Alcachofra x Fernanda!