De fato o maço de espinafre deu cria na geladeira! Virou omelete, sopa, e não acabava mais!

Antes que as folhinhas se passassem, elas viraram um muffin! Uma boa pra fazer pra quem torce o nariz pra coisas verdes! E gorgonzola e espinafre tem tudo a ver, não é mesmo? ;-)

muffin de espinafre e gorgonzola

A massa é a básica, com algumas adaptações:
(para 12 muffins)

  • 02 xíc. de farinha de trigo
  • 1 colher de chá de fermento de bolo
  • 1 colher de chá de bicarbonato de sódio
  • 01 ovo levemente batido
  • 01 colher de sopa de manteiga
  • 01 copo (200 ml) de leite
  • Aprox. 01 xícara de gongonzola picado
  • Aprox 02 xícaras de espinafre picado grosseiramente.
  • 01 colher de sopa de azeite (se necessário)
  • Gergelim para polvilhar
  • Uma colher de tempero caseiro pronto – ou sal, se preferir
  • Pimenta do reino a gosto


Derreta a manteiga (acho mais fácil pra trabalhar) e pré-aqueça o forno a 200graus. Para facilitar a vida, bati o espinafre com o leite no mixer.  Bata o ovo numa tigela já grandinha, junte o leite com o espinafre, a manteiga já fria, os temperos, o queijo e os ingredientes secos polvilhados. Eu misturo tudo com um garfo mesmo. No final, achei que a massa estava um pouco seca e coloquei uma colher de azeite.

Encha as forminhas até mais ou menos metade e asse por 15/20 minutos.

O sabor é bem intenso e me rendeu idéias para vários outros muffins salgados! Agora ninguém me segura!!

Depois de três dias intermitentes de TCC, dois desses comendo coisas semi prontas, congeladas, que o marido somente levava ao forno, depois da quarta de seis provas, e esse friozinho chato que não vai embora, eu bem que precisava e merecia uma sopa!

Vim os 12 kms entre a faculdade e a casa pensando numa sopinha bem quentinha, bem cremosa, quando lembrei de um mação de espinafre na geladeira.

Sabe como é né? Eu também precisava dar uma  parada, tirar os olhos do computador um pouco.

Fiz a sopa assim: piquei um alho poró e refoguei na manteiga; juntei batatinhas em cubos e caldo de galinha caseiro. Lavei e piquei um tanto de espinafre e juntei à sopa quase pronta. Acertei o sal, moí pimenta do reino na hora e um tantinho de cheiro verde. Quando estava pronta, dei uma batida no mixer para virar creme. Mais um pouquinho de parmesão ralado, e duas cumbucas depois, eu estava quase nova em folha para prosseguir com esse tcc que não acaba nunca.

sopa de espinafre

A foto está fora de foco, mas condiz perfeitamente como eu me sentia: vesga :-S

Eu tenho um caso de amor e ódio com espinafre. Eu gosto, mas não gosto de qualquer jeito. Já o marido ama; uma das poucas coisas verdes – além da azeitona, claro – que ele gosta.

Em compensação eu ADORO ovo, frito, cozido, mexido, omelete… Quase sempre tenho ovos caipira em casa. E se o ovo não é caipira, deixo somente para usar em receitas, não para comer ‘puro’.

Bem, o queijo minas estava de bobeira lá na geladeira. ;-)

Omelete de espinafre

  • 02 ovos batidos (03 para os monstrinhos)
  • Folhas de espinafre devidamente lavadas, secas (tarefa ingrata) e picadas grosseiramente
  • Queijo minas em cubinhos
  • Salsinha picada
  • Sal e pimenta a gosto.

Ovos bem batidos e temperados, junte o espinafre e o queijo.

Como uso frigideira de teflon, uso bem pouco azeite. Despejar os ovos, até cobrir a frigideira inteira. Qdo estiver bem frito do lado de baixo, vire com a ajuda de um prato. Frite do outro lado e sirva quentinho!

omelete de espinafre

Para comer sem (muita) culpa!